E-commerce: Tendências para 2018

E-commerce: Tendências para 2018

Há cada vez mais pessoas pesquisando, comparando preços e comprando em lojas virtuais, mesmo que depois de fazer a pesquisa e a compra seja finalizada na loja física. Uma pesquisa do E-commerce Trends 2017, indica que 98,8% dos entrevistados já fizeram pelo menos uma compra online.
A tendência é que mais compras sejam realizadas através da internet e as grandes lojas já sabem disso e estão vindo com força total no e-commerce.
Com esse aumento nas compras online, algumas tendências para 2018 serão os grandes diferenciais, você confere algumas delas aqui:
Chatbot
Os Chatbots, sistema de interação entre consumidores e empresas, cresce a cada ano e deverá ser tendência em 2018. Segundo uma reportagem da Folha de São Paulo, 83% das companhias que apostaram nesse recurso, informaram que houve um aumento considerável na retenção de clientes. Além disso, 74% das empresas informarem que a velocidade das vendas também aumentou.
Para quem ainda não o conhece, o Chatbot é um robô que conversa com os clientes via chat, com ele você pode automatizar as tarefas mais rotineiras como por exemplo: listar informações sobre o status de um pedido, fornece as informações sobre produtos e descontos da loja, entre outros. Além disso, o robô já tem uma função que consegue aprender mais com o cliente através do machine learning (aprendizado de máquina) para chegar o mais perto possível de criar um relacionamento mais personalizado e real.
O Chatbot também pode ser usado em todo o processo do funil vendas como: atração, geração de leads, relacionamento, venda e pós-venda.
Compra Personalizada
Outra tendência em 2018 será a compra realizada com realidade aumentada, que promete ajudar e muito o consumidor a ter uma experiência mais personalizada com o produto.
Os consumidores vão poder provar o produto antes de comprar, o que vai aumentar consideravelmente as conversões, minimizando as devoluções de produtos.
Por exemplo: Imagine um cliente que entra em contato com um e-commerce de casa e decorações, utilizando a realidade aumentada, o cliente pode tirar as medias da parede da sala ou quarto com ajuda da câmera do celular e assim ver como o produto vai ficar no local escolhido, evitando possíveis erros na hora de comprar o produto.
Para que a experiência seja ainda mais encantadora, todas as alterações dos produtos serão em tempo real. A ideia é fazer com que o cliente viva uma experiência incrível e mais completa, além de sentir que está comprando um produto exclusivo, feito sob medida.
Gostou do artigo? então compartilha!
Até a próxima!
3 Mercados Promissores no E-Commerce

3 Mercados Promissores no E-Commerce

A cada ano que passa, diversos segmentos têm apresentado resultados promissores, devido o aumento do uso da internet e da segurança das transações para a realização de compras online. A previsão é que o e-commerce cresça 12% em relação ao ano passado, atingindo um faturamento de R$59,9 bilhões, segundo a ABComm (Associação Brasileira de Comércio Eletrônico).
Está pensando em investir no mercado online, mas não sabe qual em segmento?
Abaixo seguem algumas dicas de mercados promissores para investir em 2018:
Produtos para pets
Segundo as estatísticas da Euromonitor International (Londres, Inglaterra), o mercado global de pet atingirá US$ 109 bilhões em 2017 e o Brasil. Pesquisas recentes afirmam, cerca de 45% dos lares brasileiros possuem pelo menos um animal de estimação.
A Associação Brasileira da Indústria de Produtos Para Animais de Estimação (Abinpet), informa que os segmentos que mais faturam são:
Pet Food = 67,5%
Pet Serv = 16,7%
Pet Care = 8,1%
Pet Vet = 7,8%
É um mercado que exige que os lojistas da área sejam criativos e tragam sempre novidades para o setor.
Moda e Acessórios
O segmento de moda e acessórios foi o destaque em 2016, ficando em primeiro lugar na participação de vendas no e-commerce, segundo o relatório WebShoppers.
A variedade de produtos para investimento nesse mercado é muito ampla, o mais indicado é trabalhar com: roupas infanto-juvenil, plus-size, acessórios, moda masculina e feminina.
Os brechós online também são uma tendência, pois, oferecem produtos seminovos e usados a preços mais atrativos, atraindo mais pessoas interessadas em comprar mais e gastar menos.
O setor de Mode e Acessórios exigem um bom conhecimento do público-alvo para que você consiga aproveitar o todas as oportunidades que o mercado oferece e assim gerar mais vendas.
Artigos infantis
O mercado infantil movimenta bilhões a cada ano, o primeiro semestre de 2017, faturou cerca de R$11,5 milhões, o dobro do que foi registrado no mesmo período do ano passado, de acordo com dados da Loja Integrada. O número de vendas efetivas cresceu 117%, foram mais de 58 mil pedidos em 2017. O mais indicado é investir em categorias de produtos como: brinquedos, roupas ou fraldas.
Agora você já sabe um pouco mais sobre tendências e quais mercados investir no e-commerce, então está na hora de planejar e abrir a sua loja virtual.
Gostou do artigo? então compartilhe com os seus clientes e amigos.
Até a próxima!