Blog

Loading

    Entenda o que é Inbound e Outbound Marketing

    O Inbound e o Outbound Marketing está presente o tempo todo em nosso dia a dia, mas muitas pessoas não percebem ou não sabem (ainda), o que significa.
    A verdade é que o Inbound e o Outbound Marketing está se tornando cada dia mais comum e muitas empresas têm usado para as estratégias de Marketing.
    Apesar de serem opostos, eles se complementam, o que é muito interessante, não é mesmo?
    Por isso, é importante entender realmente o que significa e como trabalhar com ambos.

    Sem mais delongas, é importante você saber que a principal diferença entre Inbound e Outbound Marketing é que o Inbound é atração, o cliente se sente interessado e vai até você. Como? Com conteúdo relevante, e é através dos conteúdos que o cliente chega até ao seu produto/serviço.
    Já o Outbound é o marketing tradicional, sua marca vai até o cliente com o uso de propaganda, por exemplo. Ambos se complementam e precisam andar juntos.

    O que é Inbound marketing?

    Ações estratégias em forma de conteúdo relevante, que atrai o lead até a sua marca, aumentando o interesse no seu produto.
    E quais são essas estratégias de conteúdo relevante de Inbound Marketing?
    Bem simples, pode ser um blog com um conteúdo rico e intuitivo, um E-mail Marketing ou Landing Page com um CTA (Call to Action), que direcione o usuário para um formulário, onde ao preencher terá acesso ao conteúdo de interesse, como um E-book, por exemplo.
    Obtendo esses leads interessados em seu conteúdo, você pode nutrir a sua base de acordo com a fase do funil de venda, onde cada lead se encontra.

    Entenda o que é Inbound e Outbound Marketing

    O Inbound Marketing é dividido em 4 etapas:

    Atrair: A primeira etapa consiste em atrair visitantes para um site, em vez de ter que gastar tempo e energia prospectando pessoas, ou divulgando o produto ou serviço nos canais de comunicação, onde apenas um grupo reduzido de pessoas se interessaria. A atração é feita através da criação e disponibilização de um conteúdo relevante no site da empresa. Após isso é feita a divulgação por meio das redes sociais, links patrocinados e o SEO.

    Converter: Após atrair os visitantes na primeira etapa, é preciso que os mesmos realizem uma conversão. O usuário “converte” ao disponibilizar seus dados em troca do conteúdo de interesse.
    O conteúdo ofertado deve valer a pena para o consumidor, ele deve sentir que tem algo útil para ser acessado e que não há problema em informar dados como nome, e-mail, telefone, entre outros, para poder acessá-lo. O visitante que realiza uma conversão é chamado de “lead”.

    Relacionar: O relacionamento é a etapa onde a marca continua criando e publicando conteúdo relevante para o consumidor que converteu anteriormente.
    O relacionamento serve, acima de tudo, para fazer com que o lead venha a realizar uma compra, já que nem todos os leads estão prontos para comprar no momento em que realizam a primeira conversão.

    Vender: A venda, como não poderia deixar de ser, é o principal objetivo do Inbound Marketing. A abordagem para venda deve ser realizada no momento em que se identifica que o lead é uma oportunidade. A oportunidade ocorre quando o lead responde determinadas perguntas em formulários de conversão, informando que seu perfil é interessante e tem potencial para venda.

    E lembre-se, após a venda fidelize o cliente, o pós-venda é muito importante quanto o momento de compra. O momento de fidelizar, pode fazer pesquisa de NPS, depoimentos, e continuar com os conteúdos ricos, para que o cliente te indique para outras pessoas.

    Durante o processo de Inbound muitas técnicas e materiais devem ser trabalhados, como por exemplo:

    – Blog;
    – Materiais ricos para download (e-books, infográficos, white papers, etc);
    – Otimização para ferramenta de busca (SEO);
    – Palavras-chave;
    – Plataforma de CRM;
    – Copywriting;
    – Conteúdo Orgânico em Redes Sociais;
    – Link building;
    – CTA’s;
    – Landing Pages;
    – E-mail Marketing.
    E agora que você já sabe e entendeu o que é o Inbound Marketing, vamos ao próximo passo:

    O que é Outbound Marketing?

    Como falamos, o Outbound é o marketing tradicional, aquele que anuncia a marca e prospecta novos clientes.
    Porém, ao contrário do Inbound que o cliente se sente atraído pelo seu conteúdo, no Outbound você interrompe a jornada ou rotina do cliente para mostrar seu anúncio, como em rádio, televisão, publicidade em revista, jornal e até mesmo o telemarketing.
    No digital temos o famoso tráfego pago, como Google Ads e o Facebook Ads, que através de links patrocinados, você prospecta novos clientes.

    Já no Outbound Marketing, você tem uma diversidade de canais e mídias para divulgar o seu produto ou serviço como por exemplo:

    – Televisão;
    – Rádio;
    – Revista;
    – Outdoor;
    – Flyers, folders, banner, entre outros materiais gráficos impressos;
    – Internet (anúncios de pesquisa, display, remarketing, reconhecimento de marca, etc).

    Para ficar mais claro ainda e você entender de uma vez por todas o que é o Inbound e o Outbound Marketing, lembre-se:
    O Inbound Marketing é um trabalho de criação de conteúdo puro e os resultados é de longo prazo, já o Outbound Marketing é um trabalho mais imediato, onde campanhas de tráfego pago podem levar seu anúncio para um grande número de pessoas e há maior facilidade de mensuração dos resultados.
    Trabalhe esses dois segmentos juntos e terá bons resultados no marketing da sua empresa, espero que tenha ajudado a entender a diferença e como trabalhar com essas estratégias.

    Escrito por: Marketing MT Soluções

    O Time de Marketing da MT Soluções busca sempre trazer conteúdos que sejam relevantes para o dia a dia da sua operação de E-commerce e Marketplaces.

    Envie comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *.